Faça uma doação ao Blog PTlhando New's

quinta-feira, 10 de março de 2011

@@@ Oscar Gay premia Bolsonaro, Datena e torcida do São Paulo.


A vida é dura para o apresentador Datena, o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) e a torcida do São Paulo. O Grupo Gay da Bahia (GGB), pioneiro na defesa dos direitos dos homossexuais no Brasil, irá premiá-los com o Troféu "Pau de Sebo" na 21ª edição do Oscar Gay (um cacófato proposital), sempre anunciado após a festa de Hollywood. Os três são apontados como "inimigos dos homossexuais".
O ultradireitista Bolsonaro receberá o "Pau de Sebo" em retribuição à sua campanha contra "a presença de gays no exército, contra o Programa Escola sem Homofobia" e por "estimular aos pais darem palmada em seus filhos como corretivo para impedir tendências homossexuais". Apesar de ser chamada de "bambi", a torcida organizada do São Paulo, Dragões da Real, também conquistou o troféu, "por matéria homofóbica veiculada no site".
Segundo os organizadores, o jornalista Datena, do programa Brasil Urgente (Band), ganhou a homenagem em resposta à sua "prática discriminatória contra travestis", denunciada pela Defensoria Pública de São Paulo.
No texto oficial da premiação, o fundador do GGB, Luiz Mott, lembra que o "pau de sebo" está integrado ao folclore brasileiro e serve para ridicularizar os inimigos dos gays. "Por mais que queiram destruir o movimento de libertação homossexual, nunca chegam a seu objetivo, caindo e se lambuzando no pau de sebo da intolerância", ataca.

Confira a lista dos vencedores do Oscar Gay.

TROFÉU PAU DE SEBO

1) Deputado Federal Jair Bolsonaro, por diversas declarações contra a cidadania homossexual e estimular aos pais darem palmada em seus filhos como corretivo para impedir tendências homossexuais
2) Câmara Municipal de Salvador, por ter dado nome de rua ao maior homófobo do Brasil dos anos 90, o jornalista baiano Berbert. "O mais chocante, diz Luiz Mott, é que na Câmara há uma vereadora transexual, uma "frente parlamentar LBGT" e nem por isto, impediram este acinte aos gays da Bahia. O homófobo homenageado defendeu duas vezes no principal jornal baiano: "Mantenha Salvador limpa, mate uma bicha todo dia!" A Bahia por dois anos consecutivos foi a campeão nacional de assassinados de LGBT, 30 homocídios em 2010!
3) Apresentador Datena, programa Brasil Urgente (TV-BAnd) condenado pela Defensoria Pública de SP por "prática discriminatória contra travestis" e o Apresentador Augusto Canário (Rede Massa-SBT, Paraná), por declarar-se contra a candidatura de gays a cargos eleitorais.
4) Justiça Militar do Exército pela condenação dos sargentos Laci Araújo e Fernando Alcântara, casal militar que se assumiu sua união homossexual em rede nacional; Superior Tribunal Militar, pela exclusão e aposentadoria compulsória de um tenente-coronel das Forças Armadas, por motivo de sua homossexualidade
5) 7ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo por defender a impossibilidade jurídica do reconhecimento da relação estável homoafetiva e a 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça do RS, por negar o reconhecimento da união estável de dois casais gays; o Presídio Aníbal Bruno, Olinda e Recife por raspar a cabeça de 16 presos homossexuais.
6) Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) pela oposição da instalação de máquinas de camisinhas em escolas de Ensino Médio da rede pública.
7) Torcida organizada do São Paulo Futebol Clube, Dragões da Real, por matéria homofóbica veiculada no site da torcida
8) Centro Acadêmico dos Estudantes da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da USP, por incentivar estudantes através, de e-mail e do Orkut de "O Parasita", a jogar fezes em homossexuais na USP ;
9) Doceria Ofner, (SP), pela discriminação praticada por um segurança constrangendo um casal gay por se abraçarem.
10) Alexandre Frota e Gloria Perez por apoiarem declarações homofóbicas de Dourado, vencedor do programa Big Brother Brasil 10."

 Terra Magazine
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário